Category: Filosofia

0

1º de Maio, Dia do Trabalhador ou do Trabalho?

Emmanuel dos Santos – “Galileu ou Newton ficariam radiantes em saber que se comemora um dia do trabalho. O conceito de trabalho, em abstrato, pode significar trabalho humano, animal, mecânico etc.
Conceitos abstratos, como trabalho, podem ser utilizados para expressar as mais variadas questões, o seu uso e escolha, no entanto, em geral expressa uma forma consciente e ideológica de reforçar determinadas relações simbólicas.”

0

Nota Crítica ao “Existencialismo é um Humanismo” de J. P. Sartre

Essa nota não pretende ter a amplitude de uma crítica ao pensamento de Sartre como um todo.

Trata-se apenas de uma glosa sobre o discurso de Sartre publicado com o nome de “O Existencialismo é um Humanismo”, um texto pequeno, por demais superficial, escrito para ser proferido em uma palestra e, por fim, pregresso na obra do autor, que posteriormente chegou a rejeitá-lo.

2

A Marginalização da Mulher pela Sexualidade

Jesus foi um amigo das mulheres, o primeiro e praticamente o último amigo que as mulheres tiveram na Igreja. Causava sensação porque ele se relacionava com mulheres, porque era rodeado por “muitas mulheres” (Lc 8,3), o que para um rabino e professor de leis judaicas era absolutamente inaceitável e sem precedentes para seu tempo. Sabemos que ele teve 12 discípulos homens, embora também muitas discípulas, inclusive senhoras de sociedade como Joana, mulher de um procurador de Herodes Antipas. Hoje essas mulheres seriam consideradas “liberadas”, por não aceitarem os papéis femininos tradicionais e, pelo contrário, financiarem Jesus e seu grupo “com suas posses” (Lc 8,3).

0

O Pobre e a Forma de Vida Capitalista

NADA MAIS NATURAL QUE UM POBRE DE  DIREITA ERIK HAAGENSEN GONTIJO Ou um “classe média”; e o que dizer do rico? Nada mais sobrenatural (sim, esse é o termo) que pobres, classe-médias e principalmente...

0

Marx e as Novas Esquerdas

Karl Heinrich Marx UMA NOTA SOBRE MARX E AS NOVAS ESQUERDAS ERIK HAAGENSEN GONTIJO Quem já teve e fez valer a oportunidade de ler um texto qualquer de Karl Marx pôde perceber algumas especificidades,...

0

Deus não está morto

DEUS NÃO MORREU. ELE SE TORNOU DINHEIRO GIORGIO AGANBEM O governo Monti invoca a crise e o estado de necessidade, e parece ser a única saída tanto da catástrofe  financeira quanto das formas indecentes...

0

Lukács e a decadência ideológica burguesa

György Lukács O Capitalismo Criou Ser Humano Adequado ao Consumo ESTER VAISMAN Em sua análise da decadência ideológica da burguesia, a professora e pesquisadora Ester Vaisman explica como a manipulação do capitalismo atravessa todas...

1

Feio versus Belo

Guernica – Pablo Picasso O BELO DO FEIO LEILA BRITO E como fica o Feio perante o Belo?
 Simples. Havemos de valorizar o Feio tanto pela sua função no reconhecimento do Belo como, e...